Virei Prostituta.

Sou mãe solteira, sabe o quê é isso? se não parabéns, porque é uma merda!
Ter que "se fuder" da noite para o dia porque 1 babaca covarde te largou sozinha com uma criança no colo para criar não é mole não. eu sem profissão e sem nunca ter trabalhado na vida, de repente me torno responsável por uma criança que não parava de chorar em meus ouvidos.
Virei prostituta sim, quero ver quem tem coragem de me condenar!
No Dia das Crianças e Natal, tinha que ficar inventando desculpas esfarrapadas para meu filho não chorar pela falta de presentes. trancá-lo em casa na Páscoa ou em outras datas festivas, desligar a televisão da tomada mentindo que está quebrada para ele não ver as outras crianças felizes brincando com seus presentes. não deixá-lo repetir o almoço para ter o que comer na janta. colocar água no leite para render mais. ver seu filho chorando à noite porque não consegue dormir de fome. inventar doenças para levá-lo ao hospital para ver se ele fica internado para ter o que comer. quero ver qual mãe aguenta!
Por isso, quando apareceu a oportunidade não pensei duas vezes, me prostituí sim!
Não vou dizer que tenho orgulho porque é mentira. ainda hoje é difícil, ter que aturar bêbados, fedorentos, sujos, drogados e ladrões com todas as suas taras e manias em cima de mim sem a menor consideração, e sem poder recusar nenhum deles, pois são todos clientes. no começo foi mais difícil ainda, porque até aquele momento só tinha tido 1 homem. chorava muito, mas aguentava pelo bem da minha filha. quando eu fechava os olhos, imaginava o sorrizinho dela toda boba desembrulhando 1 presente, me fazia feliz e me dava forças para continuar.
Para todos dizia que trabalhava tomando conta de idosos à noite. deixava minha princesinha com uma vizinha, amiga minha de confiança. no final do mês eu pagava a ela.
Depois desses anos todos de luta, agora que está uma mocinha, o pai dela voltou. disse ter sumido porque estava preso, e que lá na cadeia "encontrou Jesus" e estava arrependido do que tinha feito. não deixei nem passar da porta!
Mal sabia que quando eu não estava, minha vizinha deixava ele ficar com minha filha. com toda aquela lorota de arrependimento, conseguiu convencê-la a não só visitar a menina, como a deixá-lo levá-la para passear. ele fez uma lavagem cerebral na menina com todo aquele papo de igreja, que acabou jogando ela contra mim, ainda mais agora que descobriram o que faço para ganhar a vida. dizem que estou endemoniada. tanto pertubaram, que os vizinhos da vila onde eu morava fizeram campanha para me expulsar. o dono pediu a casa de volta, alegando que ali era lugar de família.
Hoje moro e trabalho aqui em Copacabana, em 1 conjugadinho que divido com outras meninas. a vida é mesmo injusta.
Hoje só trabalho, porque sem a minha princesinha não vivo!


Enviado por: Mãe Infeliz.
Imagem: google.

6 comentários:

Wesley disse...

Afinal de contas, é filho ou filha?????

Isso ta me cheirando a fake

Ana Clara Barros disse...

Axo q eh fake na parte em q ela diz sobre internar pra ter o q comer. Avá cagar!
Mas não condeno quem faz da prostituição uma tabua de salvação. Infelizmente a maioria delas fazem por desespero e pq necessitam mto e q a sociedade é hipócrita ou se é!
Se for trabalhar honestamente não dá pra se sustentar qto mais uma criança. E às vezes o patrão ainda quer q trepe com ele, senão é olho da rua. Já aconteceu isso comigo, como eu me neguei a ir ao motel com o chefe ele no dia seguinte me demitiu. E se trabalha como doméstica no fim tem q funhanhar com o patrão ou com um dos filhos dele.
E pra ganhar mixaria. Dai elas viram piriguetes mesmo.

Grimelda Pereira disse...

Também levei um pé-na-bunda quando fiquei prenha, mas graças a Dews tenho minha grande família!

Anônimo disse...

Tá cobrando quanto?

Anônimo disse...

Já não tenho mãe, mas sei que mãe e mãe, julgar nunca, seja prostituta ou não, não me importa o que você fez pra criar seu filho(a), importa que você teve coragem de assumir e criar, nestas horas uma família unida vale muito, mas nem sempre é o que acontece, quando estamos sem apoio, ninguém nos oferece ajuda, ai sempre aparece uma solução mais fácil, como ninguém nos ajudou, pegamos e seguimos em frente, no fim sempre vem nos julgar, que julguem, quando Deus for lhe cobrar os erros da vida, ai Sim você terá que ouvir o que ELE tem a dizer, aqui na terra, vivemos o hoje, e lutamos pro futuro ser melhor. Meu Nome é Nilton Júnior.

Anônimo disse...

Quer casar comigo? Beijoosss

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...