Apanhei do Meu Marido.

Eu pensava que esse tipo de violência só acontecesse lá nas favelas, com mulheres pobres. jamais pensei que pudesse acontecer aqui em casa, área nobre da cidade, com pessoas estudadas e bem sucedidas, classe média-alta como eu e meu marido. aprendi que estava errada da pior maneira possível: apanhando e apanhando muito. apanhando de quem eu jamais poderia imaginar e onde pensava que estivesse segura. apanhei em casa e apanhei do meu próprio marido.
Tudo começou em uma festa de fim de ano na empresa onde eu trabalhava. meu marido ficou enciumado ao me ver cumprimentando 1 antigo namorado meu que também trabalhava lá. ele não sabia, e o motivo de eu nunca ter contado é porque sabia que ele não iria gostar nem 1 pouco. eles se odeiam!
Ainda na festa, me deu 1 monte de esporros e puxões no braço, me obrigando a voltar para casa mais cedo.
No carro, mais xingamentos e socos.
Quando chegamos na garagem de nosso prédio, sem dizer uma palavra, me arrastou e me jogou dentro do elevador. foi só botar o pé para dentro de casa que comecei a receber uma série de socos no peito, na barriga, no rosto, na cabeça e onde mais as mãos dele alcaçassem. quando caí fui chutada insanamente. eu apanhava tanto que nem dava tempo de gritar. acho que ele só parou porque cansou.
Quando eu pensei que tivesse acabado, recomeçaram os xingamentos, os socos e os chutes.
Pensei que fosse morrer aquela noite.
Ele só me deixou ir para o hospital no dia seguinte, onde eu disse ter sido assaltada.
Me tornei uma dona de casa, pois ele me obrigou a deixar o trabalho.
Hoje quase não saio de casa, e se saio é junto dele.
Só sei do mundo lá fora pela televisão ou internet.
Vivo assustada, com medo de que aquela noite se repita. medo não só por mim, mas pela minha filha também.
Meu sobrenome agora é medo!

Enviado por: Medrosa.
Imagem: google.

31 comentários:

Wesley disse...

Minha filha, vc ja ouviu falar na lei Maria da Penha???????? ela não protege só mulheres pobres não.....
Vc tem q perder esse medo e denunciar esse F.D.P., nem conpensa chamar de homem esse covarde, porque pra mim, homem que bate em mulher deixa de ser homem e vira covarde, vc mesma disse que é uma mulher estudada e bem sucedida, vc não é obrigada a passar por isso, vc esta sobre cárcere-privado desse covarde, e isso é crime, denuncia ele e entra com pedido de divórcio, tome uma atitude pelo amor de Deus...............

Anônimo disse...

Mulher só apanha pq deixa!!!
Se meu marido encostar em mim, meto o facão nele! No máximo ele dar murro nos móveis, na parede, na porta... não tem coragem de encostar em mim... até aí tudo bem... mas o dia q tocar em mim, ele morre!!!
Cada um merece a vida que tem... de repente vc deixa ele te bater pq quer aproveitar a boa vida que ele te dá! Com marido assim, melhor morar na favela!!!!

Anônimo disse...

Menina, que isso? Sinceramente, você está apanhando porque não toma atitude na sua vida. Denuncia esse idiota, isso vai te causar traumas físicos e psicológicos pro resto da sua vida, e acredite, pra sua filha também não será diferente. Larga esse trouxa, pega sua filha, enfia seu marido na cadeia e vá viver uma nova vida. Lei Maria da Penha está aí para isso. Viver com medo, trancada dentro de casa, sem independência financeira e com um marido violento igual ao seu, nenhum ser humano merece, vá ser feliz e mande esse cara pro inferno.

Anônimo disse...

Devia ter contado desde o início para ele que seu ex-namorado trabalhava lá. Evitaria tudo isso!

Anônimo disse...

Ah, tá! Então como ela não contou está justificada a violência???

Anônimo disse...

você acha certo mentir então, você dedica a vida inteira em prol ao casal ai se descobre que a pilantra ta de amizadinha com um ex zé qualquer, e que o povo todo sabe menos você, eu acho que não contou pois saua com ele, se não porque não falar a "verdade", ainda bem que só apanhou não ficou alejada.

Anônimo disse...

Relato fake.

Dudu disse...

Apesar de eu ter certeza que é fake..

Só queria perguntar uma coisa:

Porquê omitir a presença DIÁRIA de um "ex" de seu "amado" marido?

Verônica disse...

É...embora pareça ficção ainda é a realidade de muitas mulheres. E independe da classe social.

Barbie Californiana disse...

Infelizmente falta de caráter não escolhe classe social. :"( Coitada!

**->aDooNs<-Clan*ORLOFF disse...

da um jeito de separar desse covarde nem uma mulher merece apanhar ainda mais você que não fez nada....

Anônimo disse...

Hoje não apanho mais, mas já apanhei e é muito humilhante.

Anônimo disse...

Olha se e fake ou nao sei bem como e se sintir assim vivendo com medo , e acho injusto falarem que cada um tem aquilo que merece pq niguem escolhe viver assim, apanhar do homem que jurou amor respeito ate que a morte o separassem . Sou casada a 4 anos e descobrir a 2 que meu marido e bipolar agressivo ja levei no psiqatra e o medico passou remedios mas ele nao admite a doenca com muita inssistencia ele tomo de vez em nunca os remedios , no ultimo sabado levei mais uma surra , nao quiria isso pra mim mas tenho 2 filhos um de 3 e o outro de 5 meses dependo dele financeramente e meus familiares moram longe nao tenho o que fazer a nao ser esperar meu bebe ficar grandinho pra trabalhar e ir embora , uma coisa eu fala e humilhante para uma mulher contar q e agredida pelo marido muitas das peessoas acha que e culpa da mulher q a mulher fez algo pra apanhar ai eu pergunto com que direito vc acha que pode bater em uma mulher que e o vaso mais fraco , pq era pra ele proteger , homem que amaa jamais iria machucar sua companheira iria sim fazer de tudo para a sua felicidade . Pq vc covarde nao vai bater em homem com a msm forca que vc ? Choro hj por que sou infelis e nao posso me sepatar pois ele constantemente me ameasa me matar se caso me separar dele e nao e o que mais vemos na tv marido inconformado com a separacao mata a ex mulher, tenho dois filhos que precizao de mim , nao posso desacreditar das suas ameasas . Peco a Deus forca pra lutar e sabedoria pra saber o momento certo pra agir.

Anônimo disse...

Apanhei do meu marido e nem sei o motivo. A primeira vez ele me bateu quando eu amamentava meu filho. Levei muitos socos, tapas e chutes.Sentada eu estava e sentada fiquei, não reagi. Aliás, eu nunca reagi, tinha muito medo dele. No outro dia, percebi as marcas das pancadas e fiquei muito preocupada, pois precisava escondê-las da minha família. Ele me bateu mais vezes, sempre da mesma maneira e sempre da mesma maneira me comportei. Sei que fui covarde por não reagir, mas o susto foi muito grande.

Anônimo disse...

É muito fácil falar que se apanhar do marido faço isso ou aquilo, mas quando eles nos pegam para bater, não tem como reagir, pois a força bruta está com eles. Eu também dizia que se meu marido me batesse ele ia apanhar também, mas quando ele me pegou para bater, não consegui reagir, pois no primeiro soco já percebi que reagir seria pior. Apanhei e comecei a me submeter às ordens dele para não apanhar mais e mesmo assim apanhei outras vezes. E admiro as mulheres que reagem, pois são corajosas, mas tenho certeza que não deixam de apanhar porque quando o homem quer bater ele bate mesmo.

Anônimo disse...

Eu já me acostumei a apanhar do meu marido. A primeira vez foi horrível, fiquei muito assustada. Hoje já não ligo mais, pois sei que quando ele quer bater bate pra valer. Hoje acho normal apanhar dele. Não que eu goste de apanhar, apenas não tem outra maneira, então apanho, não reclamo, não xingo, não me defendo. Quando ele para de me bater eu continuo normal, como estava antes de levar a surra. essa foi a maneira que encontrei de viver bem em meu casamento.

Anônimo disse...

QUERIDA, existe uma coisa que se chama POLICIA!. esqpero ter ajudado

Anônimo disse...

Me sinto como vc... eu dependo dele e tudo igual o que vc falou. Eu n aguento mais e juro que preferia comer arroz e ovo do q viver assim. .. ninguém sabe. . Fácil julgar a gente. Só quem passa sb a dor e humilhação Qria eh ver seu olho roxo e ouvir q sou vagabunda e se ele sustenta a cada tenho q obedecer. Depois vem com carinho dizendo q me bate pq não aguenta me ver nervosa e com tensão pré menstrual... daí me espanca pq pra ver se me acalmo.
Queria morrer a passar pra isso.

Anônimo disse...

Apanho direto tb.....

Anônimo disse...

Tb apanho muito e não reajo. Ele me bate com uma correia de borracha que comprou só para isso. Fico toda marcada, mas não tenho o que fazer.

Amanda Hairstylist disse...

estou sem reação, não sei ainda o que fazer, ele me bateu na frente da minha filha de 5 anos...estou confusa, triste, sem brilho no olhar, desmotivada, pelas ruas, me sinto as vezes como uma moradora de rua pq so uso chinelos legging e camiseta, mal arrumo os cabelos...preciso reagir mas esta difícil...meu peito doi tenho medo do futuro...mas sei tb que é melhor só do que mal acompanhada, eu vivi uma mentira um amor de mentira, quem ama não machuca não agride não espanca.

Ana Clara Barros disse...

Lei Maria da Penha nao existe. M tia apanhou e nada aconteceu e como a mae nao a aceitou de volta teve q ficar com o traste. Sei bem como é isto. Tem q refazer sua vida, como eu nao sei. mas largue este monstro o qto antes pq ele pode te matar ate mesmo sem intenção. E qto as q falam um monte de merda e pq nunca apanharam de fato, nao tem como reagir aos chutes do porco. conheço casos de mulheres q fugiram com outro pra se livrar do covarde.

Anônimo disse...

Isso porque não é vc que apanha e é ameaçada de morte por isso que vc fla issso

Anônimo disse...

Meu marido sempre me bate! Essa noite achei que iria morrer apanhei tanto qe desfaleci qndo acordei ele estava tentando me estrangular com uma camiseta. Falando que ia me matar enforcada, não aguento mais passar por essa humilhação :'(

Anônimo disse...

Olha e tão triste ler isso sabe realmente a lei mairia da penha na prática e um absurdo
Ja fiz denúncias sobre agressão física e simplesmente o delegado de plantão olha pra min e diz "Tens cara de quem gosta de apanhar"
e muito mais lamentável ver seres humanos se conformar com a idéia que ja sw acostumaram em apanhar. Eu apanho do meu marido e ainda na frente da minha filha ele usa cocaina e e alcoolatra e e depois vem na maior cara de pal me pedindo desculpas.

Daniel Henrique gimenez disse...

Vc fica só em casa e seu marido não ah será que só vc que tem ex e ele não será que ele não comprimenta as ex dele, denuncie e pede divórcio vc vai ser feliz sem ele homem que bate em mulher e covardia e desgraçado

Anônimo disse...

Olha eu cresci vendo minha mãe ser estrupada pelo meu pai, ele batia muito nela, ele batia em nós também, ele até ganhava bem era engenheiro, mas gastava todo o dinheiro com prostitutas e farras, eu era criança só tinha uma roupa que eu lavava e secava em mim mesmo, minha mãe nem olhava para mim estava ali naquele mundo de dominação. O que eu tenho para falar para essas mulheres é que não é só elas que sofrem as crianças também, vejam suas crianças, será que vcs estão lavando as roupas delas, será que ele não abusa sexualmente delas, pergunte isso a elas, avaliar é sempre preciso. Meu pai tentou estrupar umas 5 vezes que eu vi as crianças da casa, é triste isso. Se for preciso troque de cidade, um homem agressivo não vale a pena, ele bate na mulher e nos filhos.

Anônimo disse...

Ontem meu namorado ficou me dando chutes não eram fortes ao ponto de deixar marcas, mas deu, não sei o que faço, estou confusa.

Rebeka Santos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rebeka Santos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Eu apanho do meu marido eu tenho dois filhos não tenho mae nem pai para pedir ajuda não tenho trabalho Moro de aluguel k ele paga sou dependente dele e apanho e nem sei porque as vezes meus filhos vêem e sinto vergonha ele me humilha sempre me trata mal mas na frente das pessoas se mostra dedicado e atencioso mas dentro de casa hoje msm estou muito machucada e nem sei o k houve já tentei sair de casa uma vez mas ele foi atrás de mim me achou e as coisas ficarão pior agora mal posso sair de casa me sinto feia uma inútil e incapaz de mudar minha história....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...