Meu Marido me Bate.

Meu nome é Fernanda.
Tenho 25 anos e meu marido Renan, 38. somos casados há 8 anos e namoramos por mais de 6. era tudo paz e alegria, então resolvemos nos casar. ele é delegado federal e eu... sou dona de casa, não por opção e sim por obrigação. a minha intenção era ser nutricionista, mas meu marido não deixou.
Temos 3 filhos: 1 com 2 anos, outro com 4 e mais 1 com 6. são crianças lindas, meus tesouros, e só aguento passar pelo que passo por eles, que amam o pai.
Víviamos em uma pequena cidade do interior, até ele passar em 1 concurso e irmos embora para longe.
Depois que meus filhos nasceram tudo mudou: Renan ficou mais ciumento, mais grosso, mais violento, me proibindo de fazer quese tudo. não posso mais lavar meu quintal, a calçada da minha casa, tudo são as empregadas. a única coisa que ele me deixa fazer é (forçada) lavar sua roupa e fazer sua comida.
Ele por já ser delegado é bastante mandão, autoritário e possessivo. ontem por exemplo, ele me mandou que não deixasse meu filho mais velho mexer em seus documentos, e em 1 momento de distração, meu fihlo perdeu 1 de seus papéis. quando chegou em casa me perguntou aonde estava o tal documento, e eu disse não saber, ele me pegou pelo braço violentamente, me levou para o quarto e me bateu, com tapas no rosto, sempre tapas e puxões de cabelo. nunca me bateu na frente das crianças, e para não deixá-los saber choro baixo e estou sempre sorrindo.
Depois que me bate, ele sempre para e fica me olhando chorar, não com arrependimento, e sim como se batesse em uma criança com propósito de ensiná-la a não desobedecê-lo.
Ele bate nas crianças, mas sempre ensiná-las e repreendê-las. várias vezes já os defendi e acabei apanhando por elas, pois segundo ele, acabo tirando sua autoridade.
Contei 1 pouco do que passo para vocês, sei que muitas dirão que apanho porque gosto, mas não é verdade, só aguento tudo isso por causa do medo que sinto dele tomar meus filhos de mim. sei que tenho como provar que não o merecem, mas, ele sendo delegado, conhece vários juízes. tenho medo de perdê-los.
Obrigado.


Enviado por: Fernanda.

Imagem: google.

53 comentários:

Anônimo disse...

1° ele ja era pedorfilo. Pois se entre namoro e casamento foram 14 anos, voce teria ae 11 anos... Meu Deussssss.
2° você aceita esta situação por que costa das porradas. Você prefere mesmo apanhar, sei que ama os filhos mas ficar nesta situação todos os dias, o tempo ira passar para você, teus filhos cresceram, ae sera um pouco tarde para arrependimentos.

Ludi disse...

=\ eu nem sei o que dizer! Tenho a mesma idade que vc, trabalho, faço faculdade...tenho uma vida corrida, planejo o meu futuro e nunca pensei que alguém da mesma idade que a minha pudesse viver esse tipo de situação. Já vi mães de amigas minhas, mas nunca me senti tão perto disso como agora...Vc é mto nova pra já se ver vencida...a situação é mto complicada, não vou te julgar, mas tente procurar conselhos de um advogado.

Boa sorte!!
bjs
Ludi

http://mulhergratisateas23.blogspot.com/

PS: cara, esse blog é viciante!É mto bom! he he he

Anônimo disse...

uma hora vc n vai mais aguentar,e ai esteja preparada,para lutar contra ele,isso n ta certo ng merece viver apanhando,procure advogados,se informe e tome uma atitude.

Anônimo disse...

da um basta nisso, tenho a mesma idade que vc e 10 anos de casada. Meu marido gritou comigo uma vez, e eu disse pra ele no outro dia que ele nunca mais ia gritar comigo rs ele nunca encostou a mao em mim, isso eu nao aceito. Nao deixa ele te bater, nao chora, pq eu tbm era muito chorona e nao revida. Tenha fé que isso vai mudar,faça oraçoes. Pq eu sei que vc gosta dele. Bj e boa sorte.

Anônimo disse...

Olha... vc ficar fingingo que nada aconteceu só vai dar mais autoridade ao desgraçado.. grita junto, faz escandalo, dá uma de louca, quebre coisas.. deixe ele te bater bastante... e vc faz mais escandalo ainda pra chamar atençao de todo mundo.. até policia vai aparecer... e então vc mostra o quão machucada vc está!!! Delegado ou não, ele vai pra cadeia como todo mundo!! O meu marido não rala um dedo em mim pq ele sabe que dou uma de louca e escandalosa.. acabo com a carreira dele! Ele tb está tentando concurso pra delegado... o dia que ele tocar em mim, pego a arma dele e mato ele! Vc tá facilitando demais pro lado dele... tsc tsc. Dá uma de louca pra ver se ele não deixa de ser um tb. Um louco deixa de ser louco qdo encontrou outro mais louco ainda!

Anônimo disse...

Coloca reacumin com chumbinho raspado na comida desse pedofilo covarde. Ou então sou da opinião da senhora ai de cima da uma de Louca e acaba com a carreira dele. Junta um dinheiro e foge de casa com seus filhos, da um geito reage.

Anônimo disse...

Ferve agua com soda caustica e derrama na cara dele com ele dormindo. Vai ficar bonito.

Larissa Bohnenberger disse...

Olha, eu tô aqui pensando que tipo de coisa eu poderia te dizer... Sempre que alguém tá passando alguma barra e pede conselho, eu tento me colocar no lugar da pessoa e pensar "o que eu faria se fosse comigo?". Só que eu tenho certeza de que nunca estaria em uma situação dessas, entendeu? Quer dizer, é uma questão de personalidade, eu sou briguenta, estourada, e ninguém nem sequer levanta a voz para mim sem ouvir poucas e boas em troca. Por isso fica tão difícil de te aconselhar... Acho que eu fico com o comentário da Ludi, aí de cima. Por mais que você não queira traumatizar os seus filhos, você não pode se sentir derrotada. Se você tem medo de perdê-los para ele, tenta consultar um advogado para ele, explica a situação, pergunta quais são as tuas, chances, sei lá. Suas crianças não percebem nada porque são pequenas e disfarça bem, Mas se essa situação permanecer assim, quando elas ficarem mais velhas e mais sabidas, vão acabar descobrindo o que ele te faz da pior maneira. Não deixa isso acontecer. Você não pode deixar que o medo passe por cima do seu amor próprio.

Bjs, e boa sorte!

Anônimo disse...

a situaçao que voce passa é bastante complicada, mas.. vc precisa de impor, n é pq ele é delegado na delegacia, que ele tem q ser delegado em casa! nao passe mais por isso! e seus filhos, te entenderao, pois nenhum filho suporta ver pai batendo em mae!

Anônimo disse...

Olha, eu tenho 17 anos e tenho uma irmã mais velha de 24 que passa pela mesma situação que a sua!
Bom, eu moro no Japão e ela acabou voltando pro Brasil com o 'marido' eos filhos.. Ele teve meu sobrinho com 17 anos! A diferença de idade entre os dois é bem grande.. Ela tinha 16 anos quando conheçou ele, e ele tinha uns 26 acho! Ele bate nela, deixa ela toda roxa.. meus sobrinhos já viram uma vez! Meus sobrinhos tem em torno de 3~5 anos, uma menina e um menino! Ela já tentou se separar dele, após ele apontar uma faca pra ela e ameaçar ela de morto! Mais acabou voltando com ele depois! Eu e meus pais sentimos muito com tudo isso, agente queria muita fazer alguma coisa.. pagamos até advogado pra ela quando ela decidiu se separar dele! Mais mesmo assim ela quis voltar com ela.. Olhe, sei que pensa muito em seus filhos, que não quer tirar deles o pai, que tem medo de perde-lós.. Mais vai ser muito pior se você continuar com ele! Seus filhos vão crescer e vão perceber toda a realidade, isso vai afetar muito eles! Eu cresci cm meus pais brigando todos os dias, eles saiam no tapa na minha frente, era muito feio.. eu cresci em depressão.. Quando tinha 8 anos tentei me matarr, e tentei novamente com 11.. tudo porque meus pais afetaram minha infancia, mesmo me amando! Eu cresci sozinha, pq tinha raiva de tudo aquilo.. Até hoje me sinto mal, as vezes ainda me pergunto poque estou viva.. Mais tenho alguém pra me ajudar hoje! Quando mais nova minha irmã mais velha(a que apanha) cuidava de mim cmo mãe, mais depois ela foi morar cm o traste do marido e eu fiquei meio sozinha.. Eu tinha muito medo de ir na casa dela, porque ele dava encima de mim, tentava me beijar a força.. Não deixe que seus filhas crescam vendo uma coisa horrivel como essa! Ainda dá tempo de você mudar tudo isso.. Será um caminho dificil, mais nada é impossivel! E será um caminho sem volta se isso continuar! Você é jovem, merece uma segunda chance! Acredite, não será somente você a prejudicada se isso continuar! Seus filhos seram os mais prejudicados, eles podem cair em depressão assim cmo eu.. E te garanto, depressão é um sentimento ruim, o mais desprezivel de todos.. se você não o controla, ele te controla e te mata.. Q Deus proteja você!

Anônimo disse...

Ninguém percebeu que tudo isso é mentira?
Ela tem 25 anos, casada há 8 anos,ou seja casou-se com 17 anos, namorou 6 anos antes de casar, ou seja, começou a namorar com 11 anos. (nunca né)
Delegado federal não mora em interior, nem mora longe, ou mora em capital ou então em alguma cidade maior, enfim.
TUDO MENTIRA

Anônimo disse...

Tudo mentira.E se apanha e não faz nada,seja ele quem for,merece.Idiota.

Anônimo disse...

Pegue uma câmera digital e coloque ela de forma que ele não veja, num local para que você possa filmar as ações que ele faz com você.

Faça isso uma vez(se quiser faça mais vezes) e vá até a delegacia preste queixa, logo depois vá até a imprensa e mostre o vídeo e diga que você nunca o denunciou antes por ter medo de perder os filhos, pois sabe que ele conhece muitas pessoas influentes.....

Conte a mesma história que foi contada aqui e mais um pouco, prove pra sociedade que você vive com um bandido.

Se você não tomar uma atitude drástica você vai apanhar até o dia que ele resolver te matar.

E cadê sua família pra te apoiar? Será que eles não percebem que ele te bate?

TOME UMA ATITUDE!

Anônimo disse...

Sei bem como é isso. Também bato na minha mulher. Chega uma hora que enche o saco, não tenho gosto pra isso. Já pedi a separação, mas não adianta, ela quer mais, e mais. Já fui em um advogado me aconselhar.

Anônimo disse...

Cacilda, eu adoro essas histórias inventadas, fico imaginando como poderia ser mesmo. Adoraria apanhar um pouco, sou meio doida. Mas não na cara, na bunda.

Anônimo disse...

Que coisa horrível!!! Vo rezar por vc. Também vo acender uma vela. E vo contar pro meu paid e santo. Ele vai ve

Anônimo disse...

Onde está seu Deus agora?

Anônimo disse...

Acho que tudo qwue é feito entre quatro paredes é valido, desde que entre adultos responsáveis. Se isso lhe dá prazer, vai em frente. Não sinta culpa. Aproveita a vida. Mas use camisinha.

Anônimo disse...

Criança é mesmo um inferno, tem que apanahr mesmo essa praga. Filho mal criado tem di monte.E u batia também. Cintada.

Anônimo disse...

Isso é tudo culpa do Collor, aquele ladrão. Roubou a poupança de todo mundo, aquele maldito. Que apodreça no inferno.

Anônimo disse...

Eu acho que as pessoas idiotas, que acham que nao é possivel namorar com 11 anos, tinham que se informar mais, eu comecei a namorar com 11 anos! Fiquem espertas, voces nao sabem o que essa ´pessoa passa, e se vc n sabe, as pessoas podem nascer no interior e mudar-se para outros lugares... Burras!

Thiago disse...

Seu marido tem razão, aceite a sua condição. Pra melhorar a sua situação, que tal um boquete quando ele chegar em casa cansado. Fikadica.

Anônimo disse...

eu tbm apanho, por causa de uma vadia de sumare chamada , casada que sai com meu marido mas o que é dele e dela tá guardado,

Anônimo disse...

eu tbm apanho, por causa de uma vadia de sumare chamada , casada que sai com meu marido mas o que é dele e dela tá guardado,

Wesley disse...

MINHA QUERIDA, NINGUÉM ESTA ACIMA DA LEI NÃO, SE VC FILMAR AS AGRESSÕES DELE, REGISTRAR QUEIXA NA DELEGACIA E FOR NA MÍDIA E DIVULGAR ISSO, NÃO HA JUÍZ NO BRASIL QUE VÁ LIVRAR A CARA DELE, VC VAI GANHAR A GUARDA DOS SEUS FILHOS E SE LIVRAR DESSE "BANDIDO-COVARDE" QUE ACHA QUE PODE FAZER TUDO QUE QUISER SÓ POR CAUSA DO CARGO QUE EXERCE, BASTA VC TOMAR CORAGEM............

Anônimo disse...

Tns :/ eu nao apanho nao ele so grita cmg e fika furioso com qalquer coisa aff >.>

yasmin disse...

Tipo sempre qando eu vo fala algo c ele, ele se irrita e pra nao me bate ele bate na parede no guarda-roupa e eu faço questao de grita c ele tbm mais se caso ele estiver me traindo.... eu farei o msm irei trai-lo e vo adorar fika c um monte runn

Anônimo disse...

Namorei 9 anos. tudo era maravilhoso. Após o casamento, mais ou menos um mês depois meu marido me ameaçou com uma cinta. Fiquei apavorada. O tempo foi passando,mas as ameaças continuaram, até que um mê após o nascimento do meu segundo filho ele me bateu a socos e pontapés. Nunca tinha apanhado do meu pai e estava apanhando do meu marido. foi humilhante. Ele me bateu outras vezes, mas agora parece que parou. Espero que isso dure.

Anônimo disse...

Quando um homem quer bater ele bate. Não adianta chorar, gritar porque ele vai continuar batendo. Eu já apanhei e não me mexi, pois se entrasse em luta corporal com certeza ia ser pior. Eu o escolhi para marido e ele me escolheu para sua mulher. Namoramos bastante tempo e ele sempre foi mito gentil. Logo após o casamento ele começou a me agredir verbalmente e ameaçar fisicamente. Vivia com medo dele, mas não teve jeito, depois de muitas ameaças ele me pegou aos socos e chutes. Foi humilhante, doeu na alma. Eu estava apanhando de um homem que me doei a ele. fiquei inconformada, mas continuei, pois tinha dois filhos que precisavam de um pai. As ameças continuaram, as agressões verbais também e eu me calava cada vez mais. Mesmo me calando ainda apanhei mais vezes. Hoje ele não me bate mais, mas o medo continua.

Anônimo disse...

Ante de apanhar pela primeira vez eu dizia que mulher que apanhava de marido, gostava. Julguei errado. Ninguém gosta de apanhar. Eu apanhei, escolhi ficar com ele por necessidade. Recursos financeiros e estrutura familiar. Bom, não culpo ninguém, a escolha foi minha. Apanhei e não gostei. sofro ameças de surras e muita agressão verbal. Hoje mesmo ele me agrediu verbalmente e eu me calei porque poderia terminar em pancadaria.

Anônimo disse...

Não quero mais apanhar. Já apanhei e foi surras pra ninguém botar defeito. ao me levantar eu pensava: será que hoje vou apanhar? Chega não quero mais isso.

Marcia disse...

Mulherada, sinto vergonha alheia ao ver esses comentários! Em que século vcs vivem??
Acordem pra vida! vcs tem duas pernas, dois braços e saude pra trabalhar né? Que comodismo é esse de ficar aguentando esse tipo de vida por "necessidade. Recursos financeiros e estrutura familiar
"?? tenha dó...
Eu chamo isso de preguiça de arregaçar as mangas e dar às caras no mundo! ALOUUUUU !!!
Prefiro me matar trabalhando e passar necessidade do que ter que aturar um troglodita me agredindo!
E sobre esse depoimento, se for verdadeiro, só tenho a dizer uma coisa: Lei Maria da Penha

Anônimo disse...

Existem situações que só quem vive sabe o porquê. Fui casada com um sujeito que me batia quando namorávamos e quando casamos me batia todos os dias. Apanhava dele e apanhei algumas vezes do irmão dele, pois ele permitia que ele me batesse. Não trabalhava porque ele não deixava. eu sou formada em letras e não podia lecionar. Não me lembro ter ficado um dia sem apanhar. fiquei casada um pouco mais de três anos, até que criei coragem, contei tudo aos meus pais e na frente dele que negava, mostrei as marcas das pancadas em meu corpo. Na mesma hora meu pai colocou-o para fora da casa dele, contrataram um advogado e nos divorciamos. Eu não engravidava e por isso toda vez que ficava menstruada as surras eram as piores. Eu era muito nova e tinha muito medo. Eu tinha que cuidar da minha casa e todos os dias tinha que limpar a casa da mãe dele. Quando ela via as marcas das pancadas ele dizia: apanhou de novo filha?. ela nunca fez nada para que isso não acontecesse. Meu cunhado me batia na frente do meu marido, da mãe e do pai. Não engravidei, graças a Deus e saí do casamento sozinha. Hoje sou casada e tenho filhos, na verdade eu não engravidava porque ele era estéril.

Anônimo disse...

Sempre que uma mulher dizia que apanhava do marido eu a achava uma idiota, preguiçosa, acomodada, até o dia em que meus pais morreram. Eles tinham muito dinheiro, mas eu fiquei sem nada porque meus irmãos não entram num acordo no inventário, então está tudo bloqueado na justiça.Eu tinha um bom emprego, mas a empresa faliu e eu estou desempregada. Não tenho mais família, trabalho e quando eu estava nesta situação, meu marido que sempre foi maravilhoso comigo mudou, começou a me bater por qualquer coisa.
Queria poder fazer alguma coisa, mas neste momento vou fazer o que? Me separar dele, denuncia-lo e ir morar aonde? Viver do que? Não tenho absolutamente ninguém nesse mundo.
Então paguei minha boca, hoje vivo com um homem que me bate, mas mas estou lutando silenciosamente, procuro trabalho e quando conseguir vou guardar todo dinheiro que puder para um dia deixa-lo. Ficarei só no mundo, mas não vou apanhar mais.
Por tudo isso, respeito mais as pessoas e parei de julga-las, somente sabe de um problema quem passa por ele.

Anônimo disse...

Eu apanho muito do meu marido. Hoje eu já apanhei. às cinco e meia da manhã ele estava me batendo porque queria por uma camisa que estava molhada. Levei vária chineladas, estou toda marcada. ele bebe com os amigos e quando chega em casa chei de cerveja ele sempre encontra uma desculpa para me bater. Outro dia eu saí sozinha e ele não quer. Quando chegou em casa percebeu que eu tinha saído eme deu uma surra com uma raquete de frescobol. ele bateu muito na sola do meu pé. Na hora não senti muita dor, mas no outro dia parecia que eu estava pisando em brasa. Hoje eu já apanhei, mas duvido que não apanhe novamente quando ele chegar em casa. Ele sempre inventa uma maneira nova de me bater. Ele é um sádico.

Anônimo disse...

Oi Fernanda, bom o que posso te dizer, meu marido tbm me bate, eu tenho 21 anos, sai de casa com 15 anos pq meu pai era pedófilo e tentou abusar de mim (mas não conseguiu) bom, quando isso aconteceu, eu tinha um namoradinho de escola, que hj é este meu marido, eu tinha 15 anos fui morar com ele, e estamos juntos a 5 anos já, bom, ele começou a me bater quando eu dei um tapa na cara dele pq discutimos, ele revidou o tapa, isso com quase 1 ano juntos, antes disso nunca tinha acontecido nada, ele sempre foi muito carinhoso, depois deste tapa minha vida mudou por completo... sempre discutíamos ele acabava me batendo, tapas, empurrões e até socos já levei, como ele lutava muay thai na época ele tinha bem a noção da força dele, me batia forte o bastante pra machucar mas não tanto pra marcar, mas ele sempre se arrependia e chorava e pedia desculpas quando eu caia no choro... Eu aturava isso pq pra casa do meu pai não podia voltar, minha mãe já e falecida a anos, e eu não trabalhava, não tinha como me sustentar, os anos passaram e ele nunca mudou, em 2010 tive minha filha, e dez da gravidez ele parou de me bater, e ficou ate quase os 2 anos dela sem encostar em mim, se discutíamos ele saia de casa pra não prolongar, mas depois de um tempo ele voltou a me bater, não na frente dela, mas uma das vezes ele me deu um soco tão forte que eu tive um desmaio momentâneo cai no chão mas logo acordei, e ele só ficou me olhando sem reação de arrependimento nem nada, apenas me olhando.... bom hj ele não bate por tudo mas ele tem crises de raiva e estoura em mim, por nada, motivos bobos, e agora o pior é que não tenho família, não tenho amigas pq ele fez eu perder minhas amizades, não tenho emprego, e acabo aturando pq não tenho como sustentar minha filha sozinha, fico com raiva de mim msm por aceitar, tenho várias fotos guardadas dos roxos, pq quando eu conseguir um emprego que pague bem vou sair de casa com a minha filha e vou na delegacia, se deus quiser vou conseguir logo um emprego e sairei disto, pq não aguento mais, minha filha tem 3 anos hj e ela fica apavora ao ver ele me bater e começa a berrar junto comigo, ele nunca bateu nela, mas me bate, e te entendo, do fundo do coração, não de bola para o que as pessoas vão falar aqui pra ti, eu mais do que ninguém sem bem o que vc passa.... força, se deus quiser tu vai conseguir se livrar dele..

Anônimo disse...

Hoje muito cedo meu marido me deu uns tapas e disse que hoje era só uns tapinhas e que amanhã vou ter a surra que mereço. Tenho certeza que isso vai acontecer porque ele já fez isso outras vezes. ele é um sádico.

Anônimo disse...

bom filma ele te batendo e entrega pra policia ai alem dele perde o cargo vc vai poder se separar dele pronto

Anônimo disse...

e vc uma sadomasoquista para larga dele da uma de loka separa vai pra longe e coloca fogo nas roupas dele no carro em tudo .

Anônimo disse...

ou seu inutil vc so pode ser homm pra fala umas troxices dessas neh ...

Anônimo disse...

eita porra ... se num e casada nao neh ..kkk..

Anônimo disse...

Vc é um grande babaca isso sim!

Anônimo disse...

toda mulher tem que ser submissa e fazer as vontades do marido!aceita sua condição e seja feliz!!

Anônimo disse...

Ser submissa não significa apanhar que nem uma cachorra e aceitar caladinha finjindo que esta feliz! Isso é falta de respeito! Porra de ser submissa, veja em que seculo estamos, direitos sao iguais.

Anônimo disse...

a minha mãe o mês passado apanhou do meu pai de cinto. e não aceitou que eu a defendesse. liguei no 180 não consegui auxilio. pois sou travesti sofro preconceito da minha própria mãe e ´todos os dias isso.

Anônimo disse...

Pq vc não vai se fuder? Ou melhor, morre Demônio Pra não ter que ler essa merda em outros comentarios!!!

Anônimo disse...

nossa...fiquei triste com alguns comentarios aqui.... antigamente também não entendia como uma mulher pode ficar com um, homem que a Humilha e a bate....mas hoje entendo isso.... meu marido já me bateu varias vezes... com muitas humilhações.... se eu fosse sozinha, iria embora, e nunca mais o via... mas não sou só... tenho um filho que é louco no Pai.... tenho medo do futuro... pois já nos separamos varias vezes e o inferno foi muito maior..... não estou certa.... só que é uma situação muito dificil para a mulher que tem filhos..... cada uma sabe da sua realidade.... do que o marido pode fazer.... espero que um dia Deus possa mudar isso, e, mudar o meu casamento ou me dar forças para me separar de vez....
Força pra vc amiga.... estamos todas juntas nessa batalha...

Anônimo disse...

Porem as coisas sao muito complicadas, casei com 16 anos pq nao aguentava mais viver na casa da minha vo com meu tio pq ele me batia de mais dai casei com alguem que dizia que ia me amar e cuidar de mim pois eu nao merecia viver aquilo dai casei e hj vivo numa tremenda pertubaco ja perdi as contas de quantas vezes ele me agrediu me dando socos, jutes, e apertando meu pescoço hj ja estou com 18 anos nao sei oq faco dentro d mim tem muita tristeza dor e magoa.Amo ele tento tirar ele da minha vida e nao consigo é dificil pois quando estamos bem ele muito gente boa mais quando brigamos ele se transforma nem parece aquela pessoa. Nao sei mesmo o que fazer.

Taina Medeiros disse...

Nunca duvide de deus não sei idiota deus sabe oque faz as pessoas que não sabe resolver seus problemas e ativo e as outras

Taina Medeiros disse...

Nunca duvide de deus não sei idiota deus sabe oque faz as pessoas que não sabe resolver seus problemas e ativo e as outras

Anônimo disse...

Oi gente tenho 19 anos casei nova com 17 anos, ele tem 20 anos, eu sempre trabalhei pra nunca deixar faltar nada em casa , agora depois de 2 anos ele arrumou um trabalho, mas ele e viciado em álcool, e quase todo o dinheiro que pegar e pra beber e eu não posso falar nada que ele mim agredi tanto verbalmente tanto fisicamente, não sei oque fazer meus pais são velhos e disseram que não queria se envolver, não tenho pra onde ir oque fasso ?

Anônimo disse...

Você continua com ele, por causa dos seus filhos ou por que depende dele, financeiramente? Porque, você não perderá a guarda dos seus filhos, muito pelo contrário, além de ter a guarda, terá direito a pensão. Todavia, como você nunca reagiu as agressões dele (como você mesma disse, ele não foi sempre agressivo, houve um começo e, infelizmente, você foi permitindo (talvez, por dependência emocional ou até mesmo econômica) e agora, quando você resolver reagir: pedindo o divórcio ou, simplesmente, se separando, pode ser que ele tente ir às "vias de fato" (algo pior). Portanto, para tomar qualquer atitude a essa altura do campeonato, você vai precisar da ajuda de Deus, da sua família, de um bom advogado, psicólogo e ou psiquiatra (tendo em vista o quanto você e seus filhos já sofreram, além da possibilidade da separação) e não esqueça de pedir (com urgência) medida protetiva, para que a polícia te proteja durante todo o processo. Dica: Deus é o Deus o Impossível. Tenha fé e coloque seu sofrimento e necessidades diante Dele; acredite, ele tem Poder para resolver qualquer problema. Amém! Um abraço! Sucesso e muitas felicidades!

Anônimo disse...

Com certeza... Também não consigo acreditar nesses depoimentos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...