Abandonada na Estação.

Escrevo essas linhas com vergonha, sei que não é orgulho para ninguém ser amante do vizinho.
Nunca fui feliz no meu casamento, e apesar de meu marido nunca ter sido bonito, esperava bem mais do casamento. esperava sonhos e flores, pois sempre fui romântica, mas apesar disso só tive muito trabalho doméstico e 2 filhos para criar. meu marido nunca foi de gentilezas, e quando não estava trabalhando vivia no bar enchendo a cara com amigos e me deixando sozinha com as crianças.
Sempre fui tímida, por isso quando nosso vizinho começou a se oferecer para carregar minhas bolsas, eu ficava toda corada. desde que ele começou a trabalhar à noite passa os dias em casa, puxando conversa daqui outra dali. muito gentil, vez por outra está aqui em casa me ajudando a trocar uma lâmpada, consertar um chuveiro queimado, uma bica vazando. já tinha começado a notar que ele me olhava de um jeito estranho quando as crianças não estavam em casa, mas aí um dia ele me agarrou e me beijou. fiquei assustada e empurrei ele de cima de mim. ele me pediu desculpas e disse que não conseguiu resistir, disse que estava apaixonado por mim.
É claro que fiquei confusa, nós dois somos casados. fiquei lisonjeada, nunca tinha escutado aquilo antes. por vários dias ele implorou o meu perdão, dizendo que não conseguiria viver sem mim. acabei perdoando ele, e enquanto tomavámos café aqui em casa, ele me agarrou e me beijou de novo. só que dessa vez acbamos na cama. morri de medo de meu marido descobrir, e também morri de medo de não acontecer de novo. no começo era só aqui em casa, até eu tomar coragem de entrar em um motel.
Fomos amantes durante 4 anos. ele vivia prometendo que iria deixá-la para ficar comigo e nada. os anos passando e só promessas. cobrei dele uma decisão e propus fugirmos juntos, só nós dois, deixando tudo para trás.
No dia combinado, depois de deixar uma carta em cima da cama para o meu marido, fui encontrá-lo na estação. fiquei lá esperando por mais de 3 horas. tentei diversas vezes ligar para ele e só dava caixa postal. depois de muito tempo ele me ligou dizendo que não poderia vir, que não poderia simplesmente deixar tudo para trás, que não poderia esquecer a mulher, o emprego e os filhos. disse que sua mulher descobriu tudo e ameaçou se matar com as crianças. ele não veio!
Arrasada, sem dinheiro e sem ter para onde ir, voltei para casa. meu marido não disse uma palavra. pensei que ele não tivesse encontrado a carta, mas ela não estava mais encima da cama. até hoje ele não fala nada.
Na manhã seguinte um caminhão de mudanças chegou e nunca mais vi o meu vizinho. nunca mais fui feliz!


Enviado por: Abandonada da Penha.

Imagem: kaduolliveira.blogspot.

9 comentários:

CLAUDIA disse...

Amiga querida!!!
Acho essas histórias muito tristes,pois mostra que quando não nos amamos,e ficamos esperando que o outro nos faça feliz,ou cobrando dele,uma responsabilidade que é nossa,só é queda após queda e ai chega o sofrimento.
Temos que aprender que não se constrói felicidade em cima da infelicidade do semelhante.
A lei ação e reação é para todos nós sempre.
Tudo que fizermos de mal,recai sobre nós sempre.
Um bom texto para se refletir...
Espero que ela encontre a felicidade...
Bjos em seu coração com cheirinho de Jasmin.

Renatinha disse...

Coitada dessa mulher , se iludiu pela carência .
O mais triste que nem amor pelos seus próprios filhos não teve ... ia abandona-los por uma paixão que louco isso .
XOXO

Vampira Dea disse...

COncordo com o segundo comentário. Acho que toda forma de amor vale a pena , mas acho triste quem abandona os filhos... E a pessoa n tinha coragem de ir no motel mas ficava transando na própria casa. quer ceder , quer aprontar, vá lá mas pra isso tem lugar.

Regina Rozenbaum disse...

Ah mininu amado! É cada história hein? Arrepiou até o caldeirão dessa bruxinha que "jamais" (a gente não pode falar assim, né não?)deixaria a prole. Desse tipo de feitiço tenho antídoto dos bauuummm.
Beijuuss e um fds mágico

JORNALISMO ANTENADO disse...

Abandonar o marido, nem falo nada pois ela disse que num era feliz, massss abandonar os filhos simplesmente deixando uma carta? Mereceu ser abandonada na estação viu...é minha opinião. Não tenho coragem de abandonar um animal, dirá um filho...eu heinnnnn...
Márcia

Regina Laura disse...

O amor é lindo...quando verdadeiro.
O resto é fogo de palha.
Pode ter mais fogo, ou mais palha, mas não passa disso.
Beijão

Sissym disse...

Rike, que é isso?! Blog para chorarmos juntos?!
Faz assim, não esqueça de colocar uma caixinha de lencinhos de papel.

Convenhamos, ser infeliz no casamento é uma coisa, mas burrada é outra. Só que eu conheço meia duzia de mulheres, que sofrendo barbaramente no casamento, sem terem escolhas, foram obrigadas a deixarem seus filhos. Elas sofrem muito com isso. Acontece por naõ haver justiça.



Obs.: Ahhh e eu?! tambem quero beijinhos!!! kkkkkk

A Sapatólatra disse...

Eu acho, vejam bem: é minha opinião

Que nada, mas nada nesse mundo justifica o abandono dos filhos e não venham me dizer que alguém é obrigada a isso pq não é, se ta sofrendo nas mãos de algum carrasco que o deixe, mas leve junto os filhos nem que seja para debaixo de uma ponte, mas leve-os,sofrerão juntos isto não é crime, mas abandoná-los para mim é crime sem perdão. Isso gente eu falo para quem ama seus filhos acima de qual quer coisa, que é o meu caso.

E essa aí mereceu ser abandonada, pois ela recebeu o que ela iria fazer com os filhos, foi justo e tudo por uma fantasia pq se fosse amor o tal sujeito não teria a abandonado a esperar, ele a iludiu e ela carente se deixou iludir.


Gente adorei o blog, a principio fiquei com medo de me apegar pensando que iria sair absurdos aqui, mas quando vcs deixaram claro que não publicaram histórias escabrosas, decidi ficar.

Liliana Campos disse...

Tem males que vem para o bem!!!!
Se cuide e seja feliz!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...