Contagem Regressiva para o Divórcio.

Minha vida começou muito cedo.
Aos 17 anos de idade já tinha marido, uma casa e uma filha para cuidar. passei com muita rapidez de adolescente para mulher de família, dona de casa.
Casei mais por pressão, o clima lá em casa não estava dos melhores, com meu pai culpando minha mãe e minha mãe culpando meu pai e os 2 culpando Elionardo pela minha gravidez. na casa de Elionardo era a mesma coisa, só que com os pais dele me culpando. tudo bem, admito que estava apixonada e queria casar, pois achava que com o casamento todos os problemas acabariam e eu seria "feliz para sempre!" coisas de adolescente.
É incrível como vejo tudo melhor agora. como fui burra, como fui ingênua acreditando em tantas bobagens. passou tão pouco tempo, hoje tenho 24 anos, e pelo que já vivi, me sinto como se tivesse 30 ou 40 anos. acho que sou bem melhor agora do que era antes. mergulhei de cabeça na maior furada da minha vida!
Meu marido não gosta de trabalhar, não para em emprego nenhum. é 3 meses em 1, 2 em outro e por aí vai. sem contar que nos "intervalos" fica coçando o saco em casa. o maior tempo que passou trabalhando foi de motorista, quando ficou 7 meses e 22 dias, 1 recorde mundial! incrível como só acordei para essa realidade tempos depois, ao perceber que ainda era sustentada pelos meus pais e os pais dele (dos quais tinha que ficar ouvindo 1 monte de abobrinhas). incrível como eu era cega para Elionardo, que ia para night e me deixava sozinha em casa com nosso filho. eu era cega para mim mesma, pois não tinha estudo (1º grau incompleto), não tinha experiência, não tinha profissão, não trabalhava e não tinha nenhuma ambição na vida. resumindo, eu não era nada! mas acordei, arranjei 1 emprego que paga pouco mas paga, e à noite enquanto minha mãe fica com meu filho voltei a estudar (em pouco tempo termino o 2º grau). já estou separada de corpo há muito tempo, não deixo Elionardo me tocar e mal nos falamos. assim que terminar os estudos e arranjar 1 emprego melhor (no 1º dia que assinar contrato), me separo e não quero nem saber! se meus pais não me aceitarem de volta, foda-se!, vou morar de aluguel ou até na rua, mas vou me separar!
Sinto que há uma vida lá fora me esperando para ser vivida, e se eu ficar aqui sentada nada vai acontecer!
Se eu ficar, essa falta de vida vai acabar comigo!


Enviado por: Azaléia.

Imagem: google.

10 comentários:

Anônimo disse...

vc tem toda razão,deve sim arranjar um emprego,e viver é isso q eu tbm vou fazer to cansada de ficar esperando pelo meu marido,de querer e n ter minhas coisas afs,é muito ruim tbm kero tabalhar,e arranjar uma vida q faça sentido.bj boa sorte.

Ludi disse...

Isso ai!! Corra atrás dos seus sonhos, das suas conquistas, da sua independencia... que não é fácil, mas a vida jamais fecha portas pra quem ta correndo atras do que é seu e não se coforma em ficar parado vendo a vida passar e esperando a sorte bater na porta!! Seja um exemplo de luta pro seu filho, seja seu maior orgulho... vc vai ver que felicidade maior não existe!! Em pouco tempo vai estar fazendo faculdade, vc vai ver ;)

Torcendo por vc!!! Toda a sorte do mundo nesse ano que se inicie, que tudo de maravilhosamete certo, que vc veja o mundo se abrir colossal a sua frente!!! ;)

bjs Ludi

http://mulhergratisateas23.blogspot.com/

Anônimo disse...

Ainda bem que vc acordou pra vida a tempo.. tem gente que descobre isso decadas depois!!! Vc ainda é muito nova e tem muito o que fazer!

ANDERSON DA PAOLA disse...

Em primeiro lugar não casamos para sermos felizes e para fazer a outra pessoa feliz, em sugundo não importa onde você for do jeito que pensa nunca serás feliz, pois a realização da felicidade no casamento está n'Aquele que instituiu o casamento.
Fico abismado como uma instituição, que é para ser sagrada, hoje é banalizada e tal forma que se troca de parceiro como se troca de roupa, e isso é por causa da dureza dos corações, que acham que estão certos e egoistamente pensam só em si!

Casamento é um só, após isso você está amasiado com a pessoa.

para ser ter uma compreensão melhor do que Deus tinha em mente com o casamento, leia este artigo!

http://falandoemunah.blogspot.com/2010/10/abordagem-biblica-o-casamento-e-o.html

abraços!

Anônimo disse...

seu casamento começou errado por ter sido por pressão,não de ouvidos a religiosos fanaticos feito esse tal de Anderson...eu acredito sim que o casamento tem que te fazer feliz,não em tudo é claro,sempre vai ter uma coisinha ou outra que não nos satisfaz,mas agora aguentar um vagabundo que nem o seu marido...onde ja se viu ¨não casamos para sermos felizes e para fazer a outra pessoa feliz¨então é o que?casamamos só pra gerar filhos?mulher ser submissa ao homem,papo furado de homem machista.
VA em frente mulher,siga sua vida e seja feliz!!!

Anônimo disse...

anderson da paola que vá a merda! vc tem é mais é que ser feliz mesmo! se ele cre tanto em Deus, saberia que Deus quer nos ver feliz, fazendo bem aos outros e a si mesmo!!!
e se não casmos para sermos felizes, casamos para que????! procriarmos!?!? affff.


Desejo muitas coisas boas a ti, mesmo não a conhecendo =)

Anônimo disse...

Anderson da Paola,va a merda!!!
é isso mulher larga desse homem e seja feliz.

Anônimo disse...

Verdade seja dita, escolha pra quem dar. Se não for boa em escolhas camisinha/pilula estão ai

Robson Clay disse...

De todas as que eu li, vc foi a unica realmente com a cabeça no lugar. Parabens pela atitude.

Ana Clara Barros disse...

Esse Anderson da Paola é um crentelho nosense!kkkkkkk

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...