Desvalorizada.

Conheci Thiago na escola, quando ainda cursávamos o 2° grau técnico em química. apesar de estarmos em séries diferentes (eu no 1° e ele no 3° ano), gostamos 1 do outro e começamos a namorar. naquela época eu tinha 15 e ele 18 anos.
Eu não aparentava a pouca idade que tinha, pois todos ficavam surpresos quando eu revelava a verdade, para eles eu era mais velha. nos bailes "proíbido para menores" ou para comprar bebidas eu nem precisava mostrar identidade, ninguém suspeitava. por causa do meu corpo avantajado, era facilmente confundida com uma mulher já feita. os homens babavam por mim!kkkk
A notícia da minha gravidez caiu como uma bomba lá em casa. minha mãe não parava de chorar, ela dizia que eu ainda era uma criança e não tinha condições de cuidar de outra criança. meu pai ficou uma arara, disse que obrigaria Thiago a reparar o seu erro casando comigo. até hoje nos falamos pouco.
Após todas as brigas, discussões e acusações das duas famílias, ficou acertado que Thiago assumiria a criança e que logo após o parto nos casaríamos e viveríamos na casa dos pais dele.
Após os primeiros meses de gravidez comecei a passar muito mal. eram enjoos, fraquezas, tonteiras, dores de cabeça, pressão alta e frequentes desmaios. o médico disse que minha gravidez era de risco e que eu precisaria de muitos cuidados e 1 rigoroso acompanhamento. eu tinha eclampsia.
Tive que deixar a escola. mal eu chegava e todos se afastavam com medo que eu passasse mal, o que não seria nenhuma novidade. não tenho certeza, mas acho que depois de grávida passei mais tempo no hospital do que em casa.kkkk
Após meses de incertezas e sofrimentos, finalmente nasceu Maria Vitória. quando a segurei pela 1º vez em meus braços e dei de mamar, toda a dor ficou para trás e senti que tudo valeu a pena. ela é linda!
Quando recebi alta, minha mãe insistiu para que eu voltasse para casa, afim dela me ajudar, ao menos nos primeiros meses, a cuidar da criança. ela agora estava mais calma e aceitando melhor a situação.
Tenho que reconhecer que a vida de mãe adolescente não é nada fácil, é completamente diferente de brincar de boneca, é muito mais complexo e difícil. mesmo com limitações e imprevistos, com calma dá para superar!
Agora, o que não dá para superar mesmo é o ódio que estou sentindo do Thiago. tudo bem que perdi alguns quilos depois do parto e que mesmo agora (8 meses depois) ainda não recuperei o corpo de antes, mas daí a dizer que "estou parecendo 1 fantasma" é sacanagem! e pior, dizer na minha cara que "não sente mais tesão por mim", "que você me dá medo com essa cara apática e esse monte de coisas verdes na perna", "que não sou nem sombra daquela mulher que fui 1 dia!" ora faça-me o favor, vá se foder!
Se hoje estou assim é por causa dele! foi ele quem não usou camisinha naquele dia, ignorante! esquece que estou assim é por dar à luz a filha dele! viado!
Fantasma é a puta que pariu da mãe dele! arrombado!
Vou meter na justiça, vai ver só!
Filho da puta!!


Enviado por: Jovem Mãe.
Imagem: lhaveograne.blogspot.

14 comentários:

Vampira Dea disse...

Que cruel, cada vez melhor estes continhos aqui, tá virando divã.
Olha o Dea e o Mundo foi deletado. Tenho um novo rsrsr http://deanomundo.blogspot.com

Pri disse...

ele esta errado por te dizer coisas assim,mas a principal culpada e vc mesma,vc nao devia ter dado pra ele sem camisinha,a culpa nao e so dele...

Luma Rosa disse...

Dois imaturos e tenho dó da criança.
Bom fim de semana! Beijus,

Angélica Mello disse...

Vcs dois estão errados de não ter usado camisinha, mas se arruma coloca roupas provocantes usa maquiagem TODOS OS DIAS básiquinha mesmo sabs. E manda ele pro i@#$#¨&
E daí q vc não tem o corpo de antes usa roupas q se adquem a sua necessidade agorA ai vc vai achar um que ame vc assim.

Bjuuus tdbom pra vc ;*

Tyr disse...

Cheguei aqui por acaso, mas... Não custa nada dar uma opinião.
Vc mudou depois que teve seu bebê? Otimo! Virou mulher de vez. Se esse ota acha que virou outra coisa, de graças a Deus. Um traste a menos na sua vida.
Vai cuidar do teu filho e não se preocupa, coisa melhor aparece.
Boa sorte ai.

Anônimo disse...

Um conselho coloca ele na justiça sim, os pais dele terão que dar pensão se ele não tiver emprego e pronto. Saia fora dessa relação e pelo amor de Deus usa anticoncepcional ou camisinha para se prevenir de uma próxima vez. Não desista de voltar a estudar, coloque sua filha em uma creche na hora da escola, forme se e vá a luta você é capaz de criar sua filha, ter sua profissão e no futuro encontrar uma pessoa madura para ficar com você. Boa sorte!

Anônimo disse...

Deixa eu ver se eu entendi direito essa parada>
Primeiro: baladeira. Mulher de balada não vale nada.
Segundo: Fez sexo sem camisinha. E a culpa não é do cara só, é tua também, quem mandou querer fazer sem só pra ser mais emocionanente e proibido? B
TErceiro: Você namorou, pela descrição, um cafajeste.

Pediu pra se dar mal né. Agora fica com vitimismo e se botando como vítima?! hahahah

Anônimo disse...

Faca me um favor!
Mulher adora um canalha ne?
O que vc quer que um muleque faca? Te assuma fora do peso e cheia de estrias e celulites! O cara e um muleque! o que vc espera de um muleque? coisas de muleque! e tao simples se parar pra pensar!rsrsr

Anônimo disse...

"Se hoje estou assim é por causa dele! foi ele quem não usou camisinha naquele dia, ignorante!"
se liga sua ignorante, se vc tm uma relação estavel é quase que obrigatório fazer o uso de anticoncepcional, ah e não se esqueça, ele não usou camisinha, mais vc tbm não. Então desliga seu computador e vá chorar suas pitangas a um psicologo. Qual é o problema dele falar que vc não é mais oq era antigamente, tm é q se dar por satisfeita dele dizer na sua cara a verdade e se não aguente a verdade faça algo para modifica-la.

Anônimo disse...

"Se hoje estou assim é por causa dele! foi ele quem não usou camisinha naquele dia, ignorante!"

é por o acaso ele te estuprou? Pelo visto você abriu as pernas é deixou ele gozar... então agora aguenta.

Anônimo disse...

De boa... passei por situação parecida, é horrivel ouvir essas coisas, mas vc é quem escolhe no que dar valor... nas coisas que ele te fala ou na nova vida que agora tem. Engravidar foi culpa sua tbm, afinal vc tbm sabia que exixtia camisinha ou anticoncepcional. Babacas vem e vão de nossas vidas... Colocar na justiça não vai trazer a vc retratação do que ele te disse, vc precisa colocar na justiça pelo que ele venha deixar de fazer a sua filha e não por te engravidar.
Ele te culpa pelo seu corpo... foda-se ele, seu corpo é seu e só sua opinião deve ser levada em conta. Deixe a raiva de lado, dá um pé nesse babaca e coloque a cabeça no lugar. Seja justa com sua filha e sua vida agora!!!

Anônimo disse...

Queriida, é crueel mesmo. Hilario confesso eu ri. mas você percebe que no final do texto a autora diz a seguinte frase

"Se hoje estou assim é por causa dele! foi ele quem não usou camisinha naquele dia, ignorante!"

Mulheer , Mulheer, Mulheer tu não aprende (8', kkkkk será que você não tinha boca pra exigir a camisinha ? é vai falar que a culpa agora é do homem. tá tudo bem, eu ate respeito que você é nova é tal, mas olha agradeça ao nosso senhor, que você pelo menos engravidou que esse é o minimo, antes um filho que te deixou igual um fantasma do que um DST, que ia te deixa beem pioor, YY da proxima vez vai no posto, é eu te falo, homem é o bicho mais inresponsavel quue existe , é não é nenhum pecado mulher andar com camisinha na boolsa :) By. AdeleConsttantine;

Anônimo disse...

Vc conhece citotec? É um remédio abortivo. Vá em frente. Ou entre em contato com o WOW (Women on Waves) ;)

Max Demian disse...

Mulher burra! Você é quem deveria tomar cuidado, já que é a que engravida. Cursava química e nunca estudou biologia? Vai dizer agora que não sabia o que estava fazendo! Que coisa mais ultrapassada dar uma de ingenua como se não soubesse no que daria!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...